Campanha Nacional 2018

Pré-acordo busca garantir que trabalhadores não percam direitos em 31 de agosto

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
Pré-acordo busca garantir que trabalhadores não percam direitos em 31 de agosto

Aumento de salários, defesa dos empregos, das homologações nos sindicatos (para garantir que os bancários recebam tudo que lhes é devido em caso de demissão), manutenção da mesa única de negociações entre bancos públicos e privados e a defesa dos bancos públicos, serão os pontos centrais na Campanha 2018.

A lei trabalhista que entrou em vigor em 11 de novembro de 2017 acabou com o princípio da ultratividade, segundo o qual um acordo coletivo continuaria valendo até sua renovação. Com isso, todos os direitos dos bancários, conquistados em décadas de luta, estão ameaçados, já que a Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) vale até 31 de agosto (a data-base da categoria é 1º de setembro).

 

# Bancários acertaram em negociar reajuste por dois anos

 

Isso quer dizer que, se a Convenção Coletiva não for assinada até 31 de agosto, a partir de 1º de setembro, todos os bancários – inclusive o pessoal da Caixa e Banco do Brasil – não terão mais direito a auxílio-refeição, vale-alimentação por exemplo.

 

Pré-acordo


Por este motivo, durante a 20ª Conferência Nacional, os bancários aprovaram a entrega de um pré-acordo à Federação dos Bancos (Fenaban) para garantir a ultratividade da Convenção Coletiva.

 

# Não fique só, Fique Sócio e defenda-se contra a Reforma Trabalhista!

 

Pré-acordo e pauta já estão com os bancos – A pauta de reivindicações da categoria bancária – aprovada no domingo (10), na 20ª Conferência Nacional dos Bancários -, assim como o pré-acordo que busca garantir a ultratividade já estão com os bancos.

 

# Assembleia na Baixada aprova reivindicações da Campanha Nacional 2018

 

O documento foi entregue pelo Comando Nacional dos Bancários – que representa a categoria na mesa de negociação – à Fenaban – o sindicato patronal – na quarta-feira (13). Bancários e banqueiros já acertaram a data da primeira rodada de negociação: será dia 28, quinta-feira.

 

# Curta o Sindicato no Facebook

 

Reajuste salarial, defesa dos empregos, das homologações realizadas nos sindicatos (para garantir que os bancários recebam tudo que lhes é devido em caso de demissão), manutenção da mesa única de negociações entre bancos públicos e privados e a defesa dos bancos públicos, que estão sendo desmontados e preparados para a privatização, serão pontos centrais na Campanha 2018.

 

>> Cadastre-se no whatsapp do Sindicato: clique aqui (pelo celular) e informe banco onde trabalha e seu nome.

Pré-acordo busca garantir que trabalhadores não percam direitos em 31 de agosto

Fonte: Com informações FENAE
Postado por Fabiano Couto em Notícias
Atualizado em: 21 de junho de 2018

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
[Voltar ao topo]
X

Fale Conosco:

Você pode contar sempre, com o Sindicato, para isso estamos deixando, mais um canal de comunicação, com você. Envie informações, denúncias, ou algo que julgar necessário, para a Luta dos Bancários. Ou ligue para: 0800 771 1920

Atenção: Todas as denúncias feitas ao sindicato são mantidas em sigilo. Dos campos abaixo o único que é obrigatório é o email para que possamos entrar em contato com você. Caso, não queira colocar o seu email pessoal, você pode colocar um email fictício.

Aguarde, enviando contato!