Só pensam em lucro

Taxa do cheque apresenta a 9ª alta consecutiva no ano

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
Taxa do cheque apresenta a 9ª alta consecutiva no ano

Pesquisa de taxas de juros realizada pelo Procon, divulgada nesta semana, aponta que, das sete instituições financeiras que fazem parte da amostra, três elevaram a taxa de cheque especial e uma do empréstimo pessoal.

Cheque Especial

A taxa média dos bancos pesquisados foi de 13,72% a.m., superior à do mês anterior que foi de 13,56% a.m., representando uma alta de 0,16 ponto percentual.
 
A maior alta foi encontrada na Caixa Econômica Federal que alterou de 13,05% para 13,55% a.m., o que significa uma variação positiva de 3,83% em relação à taxa de setembro de 2016. As outras altas foram apresentadas pelo Banco Bradesco, que passou de 13,15% para 13,55% a.m., variação positiva de 3,04% e, o Itaú, de 12,95% para 13,14%, variação positiva de 1,47%.
 
Neste ano, apenas o mês de janeiro não apresentou alta nesta modalidade de crédito.

Empréstimo Pessoal

A taxa média dos bancos pesquisados foi de 7,05% a.m., superior a do mês de setembro que foi de 6,80% a.m., representando alta de 0,25 ponto percentual.
 
A única modificação nesta modalidade de crédito foi promovida pelo Banco do Brasil, que alterou de 5,60% para 7,40% a.m., representando uma variação positiva de 32,14% em relação à taxa do mês anterior. Os demais bancos mantiveram suas taxas.

Fonte: Procon-SP
Postado por Comunicação SEEB Santos e Região em Notícias
Atualizado em: 13 de outubro de 2016

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
[Voltar ao topo]
X

Fale Conosco:

Você pode contar sempre, com o Sindicato, para isso estamos deixando, mais um canal de comunicação, com você. Envie informações, denúncias, ou algo que julgar necessário, para a Luta dos Bancários. Ou ligue para: 0800 771 1920

Atenção: Todas as denúncias feitas ao sindicato são mantidas em sigilo. Dos campos abaixo o único que é obrigatório é o email para que possamos entrar em contato com você. Caso, não queira colocar o seu email pessoal, você pode colocar um email fictício.

Aguarde, enviando contato!