Na Baixada Santista: intransigência de banqueiros incentiva bancários a aumentarem greve

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Twitter
Erro na Linha: #73 :: getimagesize(uploads/images/backup/noticias/greve/290909a.gif): failed to open stream: Arquivo ou diret�rio n�o encontrado
/home/seebsantos/public_html/themes/seeb/artigo.php
Na Baixada Santista: intransigência de banqueiros incentiva bancários a aumentarem greve

Desde as primeiras horas da manhã desta terça-feira, dia 29/09, os bancários inciaram seu 6º dia consecutivo de greve devido a intransigência dos banqueiros em não negociar nada além dos vergonhosos 4,5% de reajuste. Segundo a diretoria do Sindicato dos Bancários de Santos e Região, a categoria está irredutível e a medida que o tempo passa mais bancários vem aderindo à greve contra o descaso e a falta de respeito dos banqueiros, que lucram bilhões trimestralmente. Hoje, dia 30, bancários de muitas unidades de diversas agências de Cubatão, Guarujá, Praia Grande, São Vicente e de outras localidades da região saíram às ruas e ajudaram na realização do movimento. Em Santos 80% das agências continuaram paralisadas. Nos bancos públicos o movimento alcançou 90%. Nas cidades como Mongaguá, Itanhaém e Peruíbe a greve atingiu 70% da categoria. Já em Guarujá, Cubatão e São Vicente também foram fechadas 80% das unidades. Todos os dias de greve haverá assembleia de avaliação do movimento às 16h30, na Av. Washington Luiz, 140, em Santos. GRANDE MANIFESTAÇÃO DOS BANCÁRIOS A PARTIR DAS 9H, DIA 30, NA PÇA. MAUÁ, EM SANTOS Os bancários e a diretoria do Sindicato organizam uma grande manifestação contra os banqueiros e bancos intransigentes, nesta quarta-feira, amanhã, dia 30/09, a partir das 9h, na Pça. Mauá. Todos os bancários estão convocados a participar. As reivindicações dos bancários - Reajuste salarial de 10% (reposição da inflação mais aumento real). - PLR de três salários mais R$ 3.850. - Valorização dos pisos: Portaria: R$ 1.432. Escriturário: R$ 2.047 (salário mínimo do Dieese). Caixa: R$ 2.763,45. Primeiro comissionado: R$ 2.763,45. Primeiro gerente: R$4. 605,73. - Auxílio-refeição: R$ 19,25. - Cesta-alimentação: R$ 465,00 (um salário mínimo). - 13ª cesta-alimentação: R$ 465,00. - Auxílio-creche/babá: R$ 465,00. - Fim das metas abusivas e do assédio moral. - Plano de Carreira, Cargos e Salários (PCCS) em todos os bancos, negociado com as entidades sindicais. - Contratação da remuneração total, inclusive a parte variável, com a incorporação dos valores aos salários e reflexo em todos os direitos (13º, férias e aposentadoria) - com o objetivo de acabar com as metas abusivas. - Garantia de emprego, fim das terceirizações e ratificação da Convenção 158 da Organização Internacional do Trabalho (OIT), que proíbe demissões imotivadas. - Mais segurança nas agências. - Auxílio-educação para todos. - Ampliação da licença-maternidade para seis meses.

Postado por em Notícias

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Twitter
[Voltar ao topo]
X

Fale Conosco:

Você pode contar sempre, com o Sindicato, para isso estamos deixando, mais um canal de comunicação, com você. Envie informações, denúncias, ou algo que julgar necessário, para a Luta dos Bancários. Ou ligue para: (13) 3202 1670

Atenção: Todas as denúncias feitas ao sindicato são mantidas em sigilo. Dos campos abaixo o único que é obrigatório é o email para que possamos entrar em contato com você. Caso, não queira colocar o seu email pessoal, você pode colocar um email fictício.

Aguarde, enviando contato!