Dia Internacional da Mulher

Mulheres marcham pela Vida e contra a Reforma da Previdência!

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
Mulheres marcham pela Vida e contra a Reforma da Previdência!

O Coletivo de Mulheres do Sindicato dos Bancários de Santos e Região esteve presente, dia 8 de Março, no Gonzaga, em Santos SP, no Ato: Mulheres Marchando por um Novo Dia! Pela Vida das Mulheres, Contra a Previdência e a Retirada de Direitos!

No Dia Internacional da Mulher - 8 de Março - foi realizado, em Santos SP, ato convocado por Mulheres Trabalhadoras, estudantes, indígenas, quilombolas, caiçaras, ribeirinhas e ciganas. A concentração na Estação da Cidadania, no Gonzaga, iniciou com atividades a partir das 16h (leia abaixo) e saída da Marcha às 19h30, até a Pça. Independência, o protesto encerrou por volta das 21h30.

 

As bandeiras levantadas foram: 

* Contra o Feminicídio e Política de Armamento

 

* Marielle Vive! Combate à criminalização dos movimentos sociais e partidos políticos de esquerda

 

* Defesa da Previdência Social e dos Direitos Trabalhistas

 

* Diversidade Sexual, combate à LGBTfobia

 

* Vidas Negras importam, Enfrentamento ao Racismo

 

* Povos tradicionais (indígenas, ribeirinhos, caiçaras, quilombolas e ciganos)

 

* Meio ambiente e as vítimas das mineradoras

 

* Mães, Crianças e Adolescentes

 

A Programação Cultural

 

A partir das 16 horas (Estação da Cidadania)

 

- Oficinas (confecção de cartazes e estampa em camisetas);

 

- Exposição de Fotos (Lentes Nagô)

 

- Projeção de vídeos

 

- Varais Livres (poesia, protestos,desenhos, músicas,frases etc)

 

- Slam e mulheres da batalha do caos

 

- Apresentação do Grupo Tsara Romai de Mulheres Ciganas

 

- Grafite

 

Na Praça da Independência teve:

 

- Apresentação de capoeira

 

- slam

 

Aposentadoria da bancária será mais prejudicada caso Reforma seja aprovada!

Igualdade de oportunidades para todos, a luta pela aposentadoria digna e contra a Reforma da Previdência e respeito às diferenças são lutas prioritárias do Sindicato dos Bancários de Santos e Região. “A ampliação dos direitos das bancárias e o combate à desigualdade no setor financeiro sempre foram fundamentais, mas agora temos a urgente preocupação em barrar esta Reforma da Previdência que violenta ainda mais as mulheres”, ressaltou Eneida Koury, a primeira mulher a presidir a entidade, em 86 anos de existência! Eneida vai para o segundo mandato.

 

O governo apresenta uma reforma da Previdência que vai prejudicar todos os trabalhadores, mas que é ainda mais cruel com as mulheres. Além de discriminadas no mercado de trabalho com salários menores mesmo em funções iguais e terem jornadas duplas, como emprego e trabalho doméstico.

 

A Reforma propõe que para receber apenas 60% do benefício, as mulheres só podem se aposentar aos 62 anos de idade (pelas regras atuais a idade mínima para mulheres é 60 anos) e com 20 anos de contribuição (hoje o tempo mínimo de contribuição é 15 anos).

 

Por exemplo: uma bancária com 31 anos e 11 anos de banco. Atualmente pela fórmula Idade + contribuição progressiva (85/95), para receber o benefício integral, ela se aposentaria aos 55 anos e com 35 anos de contribuição, em 2043, quando a soma de sua idade e do tempo de contribuição seria 90 (a fórmula 85/95 progrediu a partir de 2018 para 86/96, e a cada dois anos aumenta um ponto, até alcançar 90/100 em 2027).

 

Já pela proposta de Bolsonaro, para ter direito ao benefício integral, precisará de 62 anos de idade e ter contribuído por 40 anos, caso mantenha seu emprego ou pague ininterruptamente. Caso a Proposta do governo seja aprovada, a bancária (exemplificada) terá de ter 7 anos a mais de idade e contribuir por mais 5 anos. Toda mulher, independente da idade, terá um acréscimo de tempo considerável para sua aposentadoria. Lute contra a Reforma da Previdência!

Fonte Comunicação do SEEB de Santos e Região
Postado por Gustavo Mesquita em Notícias

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
[Voltar ao topo]
X

Fale Conosco:

Você pode contar sempre, com o Sindicato, para isso estamos deixando, mais um canal de comunicação, com você. Envie informações, denúncias, ou algo que julgar necessário, para a Luta dos Bancários. Ou ligue para: 0800 771 1920

Atenção: Todas as denúncias feitas ao sindicato são mantidas em sigilo. Dos campos abaixo o único que é obrigatório é o email para que possamos entrar em contato com você. Caso, não queira colocar o seu email pessoal, você pode colocar um email fictício.

Aguarde, enviando contato!