Nenhuma a menos

Homem é condenado por tentar matar mulher que recusou relacionamento

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
Homem é condenado por tentar matar mulher que recusou relacionamento

Pena é de dez anos e oito meses de reclusão

A 7ª Câmara de Direito Criminal do Tribunal de Justiça de São Paulo manteve condenação de homem por tentativa de homicídio contra mulher com quem mantinha relacionamento. Ele a esfaqueou 15 vezes pelas costas. A pena é de dez anos e oito meses de reclusão, em regime inicial fechado. O crime aconteceu após a vítima recusar pedido de casamento.

 

O relator do recurso, desembargador Fernando Simão, afirmou em seu voto que a decisão do Tribunal do Júri, por respeito à soberania dos veredictos, apenas pode ser anulada quando contrária à prova dos autos, o que não aconteceu neste caso. Destacou que o Conselho de Sentença reconheceu as qualificadoras do crime – traição e motivo torpe – “com base em todo acervo probatório colacionado aos autos, pois plenamente possível se concluir dele que a primeira agressão foi pelas costas, surpreendendo a vítima, e ainda que foi motivada pela negativa dela à vontade do apelante de ter um relacionamento amoroso”.

 

“É lícito ao Júri optar por uma das versões verossímeis dos autos, numa interpretação razoável dos dados instrutórios, devendo ser mantida a decisão quando isso ocorrer”, concluiu o magistrado.

 

O julgamento, unânime, teve a participação dos desembargadores Alberto Anderson Filho e Freitas Filho.

Fonte: TJSP
Postado por Fernando Diegues em Notícias

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
[Voltar ao topo]
X

Fale Conosco:

Você pode contar sempre, com o Sindicato, para isso estamos deixando, mais um canal de comunicação, com você. Envie informações, denúncias, ou algo que julgar necessário, para a Luta dos Bancários. Ou ligue para: 0800 771 1920

Atenção: Todas as denúncias feitas ao sindicato são mantidas em sigilo. Dos campos abaixo o único que é obrigatório é o email para que possamos entrar em contato com você. Caso, não queira colocar o seu email pessoal, você pode colocar um email fictício.

Aguarde, enviando contato!