Reestruturação no BB

Bancários paralisam prédio do BB no centro de Santos!

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Twitter
Bancários paralisam prédio do BB no centro de Santos!

Os bancários do Banco do Brasil (BB) de todo o país protestaram com paralisações, nesta quarta-feira (12), contra a redução das gratificações para pagar altos salários aos grandes executivos do banco. Em Santos, foi na rua XV de Novembro com adesão de mais de 100 funcionários sob a coordenação do Sindicato dos Bancários de Santos e Região

Em Santos/SP, a diretoria do Sindicato dos Bancários de Santos e Região e os funcionários da agência do BB, na rua XV de Novembro realizaram a manifestação com paralisação, das 8h até às 11h, de todo o prédio, onde trabalham mais de 100 funcionários, em vários departamentos e uma agência, dispostos em três andares.

 

O Dia Nacional de Luta é contra as mudanças anunciadas pelo Banco do Brasil  no plano de carreiras e salários dos funcionários. Entre outras alterações, as mudanças reduzem em até 20% o valor de referência (VR) das gratificações recebidas pelos funcionários, extingue cargos e cria outros.

 

“Levamos esclarecimentos para os funcionários e para os clientes sobre a mentira do governo e da direção do banco, que tenta enganar os trabalhadores com algo prejudicial como sendo bom”, afirma Eneida Koury, presidente do Sindicato e funcionária do BB.

 

Carta Aberta aos funcionáros e à população:

Aumento para alto executivo com redução de gratificações dos trabalhadores!

1. O Banco do Brasil quer seguir o MERCADO FINANCEIRO e aumentar a desigualdade dentro do Plano de Cargos e Salários;

 

2. Os altos executivos do banco, na maioria cargos de confiança nomeados pelo governo e indicados pelo mercado financeiro terão aumentos substanciais;

 

3. Para isso, criou-se o programa de metas e remuneração variável conforme salários de grandes executivos do MERCADO. O presidente do BB diz que é para ajudar a reter talentos e diminuir saídas. Ora, quem sai do banco a procura de maiores salários não são os concursados;

 

4. Os recursos para bancar os pagamentos variáveis, do alto escalão, virão de um corte dos salários de cargos de confiança e funções gratificadas (ou seja, que têm adicional pela complexidade do cargo) do médio escalão;

 

5. O Valor de Referência da gratificação de todas as funções será reduzido;

 

6. Futuramente, os funcionários que disputarem cargos terão gratificações menores. Vão existir funcionários com a mesma função e salários diferentes.

 

Não vamos abrir mão de direitos adquiridos!

 

Assista: Eneida Koury fala sobre o ato em Santos

Escrito por: Gustavo Mesquita
Fonte Comunicação do SEEB de Santos e Região
Postado por Gustavo Mesquita em Notícias
Atualizado em: 12 de fevereiro de 2020

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Twitter
[Voltar ao topo]
X

Fale Conosco:

Você pode contar sempre, com o Sindicato, para isso estamos deixando, mais um canal de comunicação, com você. Envie informações, denúncias, ou algo que julgar necessário, para a Luta dos Bancários. Ou ligue para: 0800 771 1920

Atenção: Todas as denúncias feitas ao sindicato são mantidas em sigilo. Dos campos abaixo o único que é obrigatório é o email para que possamos entrar em contato com você. Caso, não queira colocar o seu email pessoal, você pode colocar um email fictício.

Aguarde, enviando contato!