Bancos Públicos

Ameaça de privatização está de volta ao Banco do Brasil

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Twitter
Ameaça de privatização está de volta ao Banco do BrasilFernando Diegues

Novaes defendeu que a empresa estaria "melhor na mão do setor privado", mesmo tendo lucrado mais de R$ 13 bilhões em 2018.

O presidente BB, Rubem Novaes, externou uma convicção extremamente nociva para os brasileiros. Segundo ele, privatizar o BB seria o ideal para o país. Assim como os demais bancos públicos, o BB é um importante instrumento de desenvolvimento para o Brasil. Mas o governo Bolsonaro não quer nem saber.

 

Novaes ainda defendeu que a empresa estaria "melhor na mão do setor privado", mesmo tendo lucrado mais de R$ 13 bilhões em 2018. Hoje, o Banco do Brasil é um dos responsáveis por cerca de 70% do volume de créditos concedidos para a agricultura familiar.

 

Para se ter ideia, sem os bancos públicos e o (Programa de Fortalecimento da Agricultura Familiar), os agricultores teriam de pagar até 70% de juros ao ano. Fator que causaria encarecimento dos alimentos que chegam à mesa das famílias brasileiras. Um efeito cascata extremamente prejudicial.

 

Com os bancos públicos e o Pronaf, a taxa de juros varia entre 2,5 e 5,5% ao ano, em especial para arroz, feijão, batata, tomate, cebola e laranja. Sem contar que o BB é extremamente eficiente e lucrativo para a União, além de estar presente em regiões que os privados não têm interesse em investir.

 

>> Cadastre-se no whatsapp do Sindicato: clique aqui (pelo celular) e informe banco onde trabalha e seu nome

Escrito por: Imprensa SEEB Bahia
Fonte Sindicato dos Bancários da Bahia
Postado por Fabiano Couto em Notícias

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Twitter
[Voltar ao topo]
X

Fale Conosco:

Você pode contar sempre, com o Sindicato, para isso estamos deixando, mais um canal de comunicação, com você. Envie informações, denúncias, ou algo que julgar necessário, para a Luta dos Bancários. Ou ligue para: 0800 771 1920

Atenção: Todas as denúncias feitas ao sindicato são mantidas em sigilo. Dos campos abaixo o único que é obrigatório é o email para que possamos entrar em contato com você. Caso, não queira colocar o seu email pessoal, você pode colocar um email fictício.

Aguarde, enviando contato!