Precarização

Agentes do mercado vão assumir controle do BB

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
Agentes do mercado vão assumir controle do BB

Conselho de administração será formado por nomes ligados a concorrentes do banco; novo estatuto ainda prevê fechamento de capital, alienação do controle acionário e saída do Novo Mercado, segmento que determina regras societárias e amplia direitos dos acionistas

A sociedade precisa reagir urgentemente aos ataques do governo contra as estatais se quiser garantir que o país retome o crescimento. Fundamental para o desenvolvimento, o Banco do Brasil está prestes a cair nas mãos do mercado, com a nova composição do Conselho de Administração. A assembleia geral extraordinária que vai definir as mudanças está marcada para o dia 26 de abril.

 

Todos os seis indicados estão ligados a outras organizações financeiras, o que gera conflito de interesses e prejudica o BB. Os nomes de Guilherme Horn (Accenture), Luiz Fernando Figueiredo (Mauá Capital), Luiz Serafim Spinola Santos (UBS Capital e Bank of Boston), Marcelo Serfaty (G5 Partners, Pactual, Fiducia Asset), Ricardo Reisen de Pinho (Oi e Petrobras) e Waldery Rodrigues Junior (Secretário da Fazenda) reforçam o direcionamento neoliberal adotado pelo governo.

 

Vale destacar que a Accenture foi contratada pelo Banco do Brasil para fazer o diagnóstico da Cassi. Entre as sugestões apontadas pela consultoria, a criação de duas diretorias com ocupação por agentes do mercado de saúde. Um perigo.

 

Não é só isso. O novo estatuto prevê o fechamento de capital, alienação do controle acionário e saída do Novo Mercado, segmento que determina regras societárias e amplia direitos dos acionistas.

 

É sempre bom lembrar que o Banco do Brasil responde por 60% do crédito agrícola, financia a agricultura familiar por meio do Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar), que representa 70% da produção de alimento consumido pelos brasileiros.

 

Leia Também: Para garantir estabilidade pré-aposentadoria tem que protocolar carta

Fonte Sindicato dos Bancários da Bahia e CONTRAF
Postado por Fabiano Couto em Notícias

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
[Voltar ao topo]
X

Fale Conosco:

Você pode contar sempre, com o Sindicato, para isso estamos deixando, mais um canal de comunicação, com você. Envie informações, denúncias, ou algo que julgar necessário, para a Luta dos Bancários. Ou ligue para: 0800 771 1920

Atenção: Todas as denúncias feitas ao sindicato são mantidas em sigilo. Dos campos abaixo o único que é obrigatório é o email para que possamos entrar em contato com você. Caso, não queira colocar o seu email pessoal, você pode colocar um email fictício.

Aguarde, enviando contato!