Reestruturação do BB

Superlotação no BB: a tragédia anunciada com extinção das agências

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
Superlotação no BB: a tragédia anunciada com extinção das agênciasFabiano M. Couto

A agência de Peruíbe foi paralisada (quarta, 15/2), por falta de condições de trabalho e a superlotação

A diretoria do Sindicato dos Bancários de Santos e Região paralisou quarta-feira (15/2), desde as 8h, a unidade do BB/Peruíbe contra a falta de sistema de refrigeração e a superlotação promovida com a extinção da agência Padre Anchieta e outras cinco na Baixada Santista, pelo plano de reestruturação do banco. A paralisação vai durar até a superintendência regional do Banco do Brasil solucionar o problema. “Isto Significa precarização das condições de trabalho e do atendimento com mais tempo de espera nas filas e nos caixas eletrônicos, agências superlotadas, falta de funcionários para atendê-los, maior dificuldade para se deslocar até outras agências, diminuição de serviços oferecidos e redução de caixas sempre pagando tarifas cada vez mais caras”, afirma Eneida koury.

 Entenda a reestruturação

A reestruturação do Banco extinguiu postos de trabalho com a implantação do Plano Extraordinário de Aposentadoria Incentivada (PEAI).

O governo federal fechou 402 agências do Banco do Brasil (BB). Na região foram seis que já estão proporcionando um impacto brutal no atendimento aos usuários e clientes. “Como já havíamos denunciado desde o ano passado, quando o governo Temer anunciou a reestruturação do BB”, alerta Eneida Koury, presidente do Sindicato dos Bancários de Santos e Região.

 De acordo com Eneida Koury, entre as agências da região foi extinta a única que atende a Zona Noroeste (Av. Nossa Senhora de Fátima, 814), uma região com 15 bairros e mais de 120 mil habitantes. “Isto sem dúvida prejudica os mais necessitados por um banco público, disse”. O impacto também atingiu a população de Vicente de Carvalho, no Guarujá, que teve uma de suas agências (a maior) encerrada.

 “Ano passado salientamos dos transtornos que seriam causados com o fechamento da agência da rua Oswaldo Cruz, 521, no Boqueirão de Santos. Ela sozinha tinha mais de 10 mil clientes, que foram remanejados e superlotam hoje a unidade vizinha da Epitácio Pessoa, que já atende mais de 10 mil contas e agora vive superlotada com atendimento precário. A Baixada Santista é habitada por muitos idosos e triplica a população nos feriados e no Verão o que está ocorrendo também em Mongaguá, Itanhaém e Peruíbe. Isto é um grande problema que a população e os trabalhadores enfrentam sem o atendimento nestas agências e extinção de funcionários”, afirma Eneida. Koury.

Procons foram acionados em dezembro

Segundo Eneida, o Sindicato já tinha tomado a iniciativa de realizar reunião com o coordenador do Procon/Santos, Rafael Quaresma Viva, dia 01/12/2016 (outros coordenadores da Baixada também foram procurados, mas não deram resposta). No Sindicato, os dirigentes explanaram e discutiram com Quaresma o impacto da reestruturação implantada pelo BB sobre a população e os trabalhadores da Baixada Santista, com o fechamento de seis agências e transformação de outras três em postos de atendimento.

 

Escrito por: Gustavo Mesquita
Fonte: Comunicação do SEEB de Santos e Região
Postado por Gustavo Mesquita em Notícias
Atualizado em: 15 de fevereiro de 2017

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
[Voltar ao topo]
X

Fale Conosco:

Você pode contar sempre, com o Sindicato, para isso estamos deixando, mais um canal de comunicação, com você. Envie informações, denúncias, ou algo que julgar necessário, para a Luta dos Bancários. Ou ligue para: 0800 771 1920

Atenção: Todas as denúncias feitas ao sindicato são mantidas em sigilo. Dos campos abaixo o único que é obrigatório é o email para que possamos entrar em contato com você. Caso, não queira colocar o seu email pessoal, você pode colocar um email fictício.

Aguarde, enviando contato!