Segurança e precarização no Santander

Santander nega-se a dar segurança a bancários e clientes

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
Santander nega-se a dar segurança a bancários e clientesDjalmir Dias dos Santos

Em reunião com o Sindicato, dia 24/1, superintendente do banco disse que a instituição não pretende colocar vigilantes e portas giratórias nos postos de atendimento. Sindicato tomará medidas cabíveis

Após paralisação da diretoria do Sindicato dos Bancários de Santos e Região contra a falta de segurança na PA/Cubatão (em 28/12/16) e reunião cobrando o Santander (em 12/1/17) sobre segurança, climatização das agências, metas e assédio; a superintendente de Relações Sindicais do banco, Fabiana Ribeiro, esteve novamente com a diretoria do Sindicato para responder as indagações.  Ribeiro disse que o banco não vai colocar vigilantes e portas giratórias nos Pontos de Atendimento (PAs). Este tipo de unidade, por enquanto, somente está instalado em Cubatão, mas o Santander quer ampliar estas unidades por toda a Baixada Santista.

“O Santander não preocupa-se com a segurança dos trabalhadores e clientes. Para o banco espanhol vivemos num País com índices de criminalidade europeu. Vamos tomar as medidas cabíveis”, ressalta Eneida Koury, Presidente do Sindicato.

Assédio e Metas

Fabiana Ribeiro disse que o trabalhador terá uma cobrança menos agressiva, com mais tempo para cumprir as metas. “Dissemos a ela que somos contrários a qualquer tipo de metas e iremos fiscalizar e acompanhar de perto”, rebateu Fabiano Couto, secretário de Comunicação e funcionário do Santander.

Sobre a manutenção de ar-condicionado 

A superintendente do Santander comprometeu-se a solucionar com mais agilidade os problemas de manutenção. A diretoria vai acompanhar como todo ano faz essa promessa.

Na ocasião, foi agendada nova reunião com os gerentes regionais de Santos e Litoral Sul, para tratar das demandas e cobrar as promessas da Relações Sindicais, Fabiana.

 

 

Escrito por: Gustavo Mesquita
Fonte: Comunicação do SEEB de Santos e Região
Postado por Gustavo Mesquita em Notícias
Atualizado em: 24 de janeiro de 2017

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
[Voltar ao topo]
X

Fale Conosco:

Você pode contar sempre, com o Sindicato, para isso estamos deixando, mais um canal de comunicação, com você. Envie informações, denúncias, ou algo que julgar necessário, para a Luta dos Bancários. Ou ligue para: 0800 771 1920

Atenção: Todas as denúncias feitas ao sindicato são mantidas em sigilo. Dos campos abaixo o único que é obrigatório é o email para que possamos entrar em contato com você. Caso, não queira colocar o seu email pessoal, você pode colocar um email fictício.

Aguarde, enviando contato!