Reforma Trabalhista extingue direitos

Como pode ficar a vida do bancário com a Reforma Trabalhista

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
Como pode ficar a vida do bancário com a Reforma Trabalhista

A categoria pode perder muitos direitos e benefícios caso a reforma trabalhista seja aprovada, veja abaixo. Participe da luta, denuncie, saia na rua e envie seu protesto aos senadores pelo nosso site

Como pode ficar a vida do bancário com a Reforma Trabalhista:

- Extinção da jornada de 6 horas e ter incluída a jornada de 12h;

- Diminuição do horário de almoço;

- Perder sábado, domingo e feriado livres;

- Piso salarial (você poderá receber menos que o colega na mesma função);

- Imposição de datas para parcelar férias em 3 vezes;

- Diminuição de salário;

- Banqueiros irão impor seus interesses nas negociações;

- Perda do amparo da convenção coletiva e das leis da CLT caso negocie individualmente;

- Dependendo da contratação terceirizada existe a possibilidade do fim do FGTS e da contribuição previdenciária;

- Mais de 100 pontos da CLT serão alterados;

- A aposentaria será remota;

- Dificuldades burocráticas para recorrer à justiça do trabalho;

- Pejotização;

- Terceirização ou quarteirização;

- Rodízio de trabalhadores;

- Rescisão de contrato sem auxílio desemprego;

- Por fim, o desemprego totalmente sem direitos.

Como pode ficar a vida do bancário com a Reforma Trabalhista

 

Atenção, o medo de perder o emprego caso participe das mobilizações trará efeito contrário. Você perderá tudo caso não participe e se fortaleça!

Escrito por: Gustavo Mesquita
Fonte: Comunicação do SEEB de Santos e Região
Postado por Gustavo Mesquita em Notícias
Atualizado em: 20 de junho de 2017

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
[Voltar ao topo]
X

Fale Conosco:

Você pode contar sempre, com o Sindicato, para isso estamos deixando, mais um canal de comunicação, com você. Envie informações, denúncias, ou algo que julgar necessário, para a Luta dos Bancários. Ou ligue para: 0800 771 1920

Atenção: Todas as denúncias feitas ao sindicato são mantidas em sigilo. Dos campos abaixo o único que é obrigatório é o email para que possamos entrar em contato com você. Caso, não queira colocar o seu email pessoal, você pode colocar um email fictício.

Aguarde, enviando contato!