Comissão de Conciliação Prévia

Bancários do BB aposentados pelo Peai podem aderir à CCP

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
Bancários do BB aposentados pelo Peai podem aderir à CCP

Acesse o termo de adesão

Os aposentados do Banco do Brasil (BB) que saíram do banco por meio do Plano Especial de Aposentadoria Incentivada (Peai) podem aderir à Comissão de Conciliação Prévia (CCP). O prazo final de adesão é 31 de julho do ano que vem.

 

A CCP serve para quem saiu do BB pelo Peai e pode ter alguma dívida trabalhista a reclamar. O formato do termo de adesão do funcionário é igual ao da CCV, disponível aqui no site.

 

A entrega do termo preenchido precisa ser feita em três vias, na secretaria do Sindicato (Av. Washington Luiz, 140, Encruzilhada, Santos), das 8h às 18h. O telefone do Sindicato é o 3202-1670. Clique aqui para acessar o modelo do documento.

 

Anexos

 

Os dois últimos campos do termo de reivindicação (Indicação de testemunhas por período e provas documentais) podem ser complementados com anexos. O bancário e a bancária podem anexar ofício ao termo da CCP com dados adicionais sobre seu caso, como datas, testemunhas e fatos específicos, e o que pretendem negociar.

 

Acompanhe as novidades da categoria bancária curtindo a página do Sindicato no facebook e se cadastrando no whatsapp dos Bancários de Santos e Região.

Fonte: Imprensa Seeb Santos e Região
Postado por Comunicação SEEB Santos e Região em Notícias
Atualizado em: 01 de fevereiro de 2017

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Telegram
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
[Voltar ao topo]
X

Fale Conosco:

Você pode contar sempre, com o Sindicato, para isso estamos deixando, mais um canal de comunicação, com você. Envie informações, denúncias, ou algo que julgar necessário, para a Luta dos Bancários. Ou ligue para: 0800 771 1920

Atenção: Todas as denúncias feitas ao sindicato são mantidas em sigilo. Dos campos abaixo o único que é obrigatório é o email para que possamos entrar em contato com você. Caso, não queira colocar o seu email pessoal, você pode colocar um email fictício.

Aguarde, enviando contato!